Amor para a vida

5 entradas / 0 novas
Última mensagem
VPereira
Offline
Last seen: 4 anos 7 months atrás
Membro desde: 05/12/2012 - 18:28
Amor para a vida

A todos os que frequentam este site, coloco a seguinte questão:
-Acreditam num amor para toda a vida?

Aguardo pelas vossas respostas.:)

SofiaLopes
Offline
Last seen: 4 anos 8 months atrás
Membro desde: 19/12/2012 - 17:33
Olá VPereira!

Eu acredito sim, acho que sou uma pessoa bastante sonhadora, acredito que o mundo e as pessoas se podem tornar melhores. Acho que já encontrei o amor da minha vida. Infelizmente, o amor não é suficiente em certos casos. Pode durar para sempre, mas a sua durabilidade não parte do pressuposto de que irás ficar com essa pessoa para sempre. Será que me fiz entender??

VPereira
Offline
Last seen: 4 anos 7 months atrás
Membro desde: 05/12/2012 - 18:28
Olá Sofia!

Sim, fizeste-te entender.
Eu também penso como tu, sou uma idealista.
Deixa-me apenas discordar contigo quando dizes que o amor por vezes não é suficiente. Como não pode sê-lo?? É isso que não entendo. Se tu amares alguém de verdade, como é possível que o sentimento não seja o suficiente para ficarem juntos? Esse é o meu grande dilema.

Vanessa (não verificado)
oie VPereira

Amor pra vida toda existe sim... amor eu acho que é algo que não machuca

Ana (não verificado)
Vida a dois

Nós somos criados por uma família única, que nos passou princípios e maneiras de ver a vida diferente. A partir disso nós criamos opinião própria, manias, traumas, expectativas únicas.
Quando nos casamos, amamos muito a pessoa, mas também sofremos muito por sermos seres humanos diferentes. O amor não é suficiente quando as brigas, os desentendimentos, são maiores (e isso é algo MUITO comum).
Sou casada há 3 anos, e te digo que é um desafio diário. A pessoa passa a ser, realmente, um 'parente'. Nós temos que dividir tudo, temos que aguentar quando a pessoa não está feliz/alegre/bem humorada; as vezes, quando somos nós que não estamos bem, descontamos nossas frustrações no outro devido a intimidade.
Intimidade demais faz mal, assim como o amor. Não deixe seu companheiro ter CERTEZA que você o ama muito, pois ele passa a não se esforçar para te agradar, para te tratar bem, para continuar namorando mesmo depois de casados.
O meu conselho é: dê abraços de 5 minutos enquanto agradece as forças do universo por ter colocado aquela pessoa na sua vida, seja grato, não desista, converse, seja flexível, trabalhe a síndrome de Polianna, exponha seus pensamos e esteja sempre aberto a aceitar novas perspectivas.
É MUUUUITO difícil, mas não é impossível.

Beijo!!

Adicionar comentário

Filtered HTML

  • Endereços de páginas web e endereços de e-mail são transformados em links automaticamente.
  • Marcadores de HTML permitidos: <a> <em> <strong> <cite> <blockquote> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd>
  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Endereços de páginas web e endereços de e-mail são transformados em links automaticamente.
  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente